27.1.14

sobre Viver.



Há tempos venho refletindo sobre a vida e especialmente sobre ser "adulto".
Ao fazer 18 anos, muitas pessoas já se acham no direito de se chamarem adultos. Nunca achei que idade representa dizer quem somos, acho que ser adulto vem além de dois números.
Eu, particularmente gostei muito de fazer 18 anos. Querendo ou não, muitas pessoas tem a visão de que você só será "madura" quando ter essa idade ou mais. Engano! Tem muitas pessoas aí menores de idade que pensam como "gente grande", e que não fazem a metade de babaquices que os "grandes" fazem.
Ser adulto é nada mais nada menos que tomar decisões. Tempo de colocar em prática nossos planos!


Quando criança, respondemos pelos atos dos outros. Se fizermos birra por não ganhar um pirulito no supermercado, a culpa é de nossos pais pela falta de educação. Quando adulto é diferente, a culpa é nossa, pois boa ou má educação, quem escolheu seguir fomos nós. Mas a maioria da "gente grande" costuma fugir. Foge de si mesmo, foge da verdade. Se dizem adultos, mas colocam a culpa de suas fragilidades em tudo e em todos, menos na sua consciência.
Não me acho adulta, tão pouco madura. Mas busco. E essa busca resulta em erros e acertos.
Observar a vida é fantástico, pois aprendemos dia após dia.
Sei que minha vida tem começo, meio e fim, e não quero deixar nada escapar desse roteiro. Tudo o que quero é viver, viver intensamente. Me descobrir para entender as pessoas e principalmente para descobrir o que Deus quer de mim.
Pude entender muita coisa quando estive nos EUA por um mês. Estar sozinha, longe de tudo e de todos me fez pensar muito na vida.
Quero viajar novamente. Se tudo der certo a próxima parada é HOLANDA. Isso mesmo! Mas dessa vez para ficar 1 ano como Au Pair. Sinto que preciso disso e será importante pra mim.

Nessas de tentar entender o que é ser adulto percebo que tudo depende de si mesmo. Você é quem faz sua idade, ou melhor, identidade. Sua idade não garante um bom emprego, bons amigos, bom namorado, suas contas pagas.. o que dirá realmente se você é "gente grande" é aquilo que você é. Provamos pelos nossos atos e não pelo que falamos da boca-pra-fora.

Bom, desabafei legal aqui, rs. Mas acredito que meus leitores são além de internautas, são meus amigos e é justo compartilhar isso.

Muitas coisas estão passando pela minha cabeça, e as que estão permanecendo contarei logo logo.

"Você vai rir, sem perceber 
Felicidade é só questão de ser.
Quando chover, deixar molhar
Pra receber o sol quando ele voltar

Melhor viver, meu bem 
Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
Chorar, sorrir também e depois dançar
Na chuva quando a chuva vem"..


Beijos no coração! ♥

4 comentários:

  1. o/ Mazaah....
    Voltou mesmo pro blog e voltou com tudo! escrevendo bonito e filosofando!
    EUA, Holanda, e provavelmente muito mais pela frente... acho que esse mundo vai ser pequeno pra ti ainda =P

    ResponderExcluir
  2. Owin amiga!
    Adorei o post <3
    E é tão bom conversar com você,e saber que nada mudou depois que fez 18.
    Tu sempre esposável e decidida da vida.Adoro pessoas assim.
    E pode ter certeza que vou estar sempre te acompanhando nesta estrada da Vida!
    O teus sonhos são maiores do que esse mundão.
    Beijinhos de Luz <3
    www.filhafashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah amiga, muito obrigada mesmo e só tenho a te agradecer por sempre estar comigo!
      Conte comigo sempre!!!!
      Beijos, amo você amiga!

      Excluir